27.9.12

ILHA DO SAL - DESOVA DAS TARTARUGAS I



O Sousa apareceu vindo do nada. Quando olhei estava já em grandes intimidades com a Fernanda. Corri, não fosse finalmente haver qualquer emoção: um rapto, um sequestro, enfim, um simples assalto. Afinal era uma proposta irrecusável para ir ver a desova das tartarugas à noite, numa praia deserta. Ainda podia haver rapto! Pagamos logo 20 euros... mas com recibo. O Sousa é uma figura. Conhece tudo e todos. Ainda acaba em vereador. Vejam os próximos episódios...

6 comments:

João Menéres said...

Ansioso, espero !

Ainda hoje ao jantar, tivémos uma conversa com duas netas sobre tartarugas e a desova !
Elas têm duas em casa.
Dará para mostrar, Jorge ?

Li Ferreira Nhan said...

Desova das tartarugas?!?
Caramba!
Aguardo os próximos capítulos :)))

myra said...

que simpaticos!!!!

Fatyly said...

é das coisas mais belas que se pode ver...porque é de facto um trabalho árduo.

Fizeste-me rir com o teu ar desconfiado:) mas segundo dizem são bons guias turísticos.

Aguardarei pelos próximos episódios.

Eduardo P.L said...

Bela reportagem. Emoção. Suspense, afinal ovas de tartaruga não é todo dia, nem em todo lugar!

daga said...

é muito interessante!! só não gosto dos predadores que vêm apanhar as pequeninas antes de conseguirem chegar à água :(