8.10.12

COMENTÁRIOS QUE VALEM UM POST

BloggerPaulo said...
Sempre gostei muito de igrejas despojadas, sem talhas douradas nem santinhos. Talvez seja a minha costela moura.
Neste caso,e para mim como arquiteto, é fascinante o desalinho em termos de simetria da fachada principal: o óculo parece estar alinhado com o centro da fachada e a cumeeira do telhado enquanto que a porta está desalinhada destes eixos, lindo

3 comments:

peri s.c. said...

Sem costela moura ( que eu saiba ) mas com costelas do Vêneto, Campagnia, Molise e Lombardia, temperadas pelos ares dos trópicos estas igrejas despojadas são também minhas preferidas.
Agora uma pergunta ao Paulo : desalinho proposital ou acidental da porta ?

zamotanaiv said...

Ah! E a minha costela moura, que será a mesma que a sua, mas que de profissão de interiores e madeiras, repara que os bancos estão alinhados com a porta. Metade é menos comprida que a outra.

zamotanaiv said...

Não! Era bonito mas não. Vê-se na fotografia de baixo. Já não há marceneiros como havia arquitectos!