11.1.13

FRANCISCO DE ALMEIDA GRANDELLA


Natural de Aveiras de Cima, Francisco de Almeida Grandella foi comerciante e industrial. Maçon convicto, participou activamente na Revolução de 5 de Outubro. Fundador da primeira sociedade gastronómica de Portugal, o Grupo "Os Makavencos", Grandella foi uma figura complexa e controvertida. Os Armazéns Grandella, fundados em 1914, foram uma completa inovação. O conceito de "centro comercial" é explorado pela primeira vez. Grandella era um inovador social. Defendeu um dia de descanso semanal ao Domingo e a diminuição de horas de trabalhofundando para isso o jornal O Domingo. À sua iniciativa se ficaram a dever as fábricas de S. Domingos de Benfica e de Telheiras, que forneciam artigos de malha e sabões para os Armazéns  Junto da primeira fábrica construiu um bairro social para os operários e uma escola. Hoje funciona aí o Museu da República. O grupo Makavencos, de que foi fundador, reunia na cave do Teatro Condes, onde hoje existe o Hard Rock Café (ali aos Restauradores). Era um grupo de bons vivants, simultaneamente loucos e revolucionários. Para quem estiver interessado ver AQUI.

3 comments:

João Menéres said...

Para quem nada sabia da história dos Armazéns Grandella e do seu fundador, esta postagem abre as portas todas.

Obrigado, Jorge !

xunandinha said...

Obrigado amigo por esta lição, coisas que a uma mulher de 52anos não lhe passava na cabeça,mas é sempre bom saber,algo que homens mais atrevidos fizeram.

Sempre era dos armazéns do grandela

expressodalinha said...

Ha pois era. É muito interessante a história dos Makavencos.