17.5.11

BARRACAS COM HISTÓRIA




Há muito que em Oeiras foi desenvolvido um programa de total sucesso na erradicação de barracas. Cascais é o concelho limítrofe. O mesmo programa não teve, ainda, 100% de sucesso. Esta barraca fica situada na fronteira entre os dois concelhos, bem a meio de uma rotunda que distribui o trânsito para os dois concelhos e para a Auto-Estrada para Lisboa. A barraca estava ali há anos. Cheguei a suspeitar de esconderijo para o Bin Laden. Afinal estão a removê-la. Felizmente fotografei-a duas semanas antes. Deixo aqui um pouco história. Duvido que alguém tenha estas fotos. Parar ali era risco de acidente. Mas quando se tem um blogue... O risco é a minha profissão.

7 comments:

zamotanaiv said...

Esta faz parte dos meus percursos diários no tempo do Liceu, vindo das juntas de freguesia limítrofes, ( na altura, carcavelos era chamado de o cú do Judas).
Eram passeios bem agradáveis na famel amarela sempre pelas terras entre carcavelos e oeiras, antes das autopistas..

Li Ferreira Nhan said...

Essa barraca (aqui chamamos de barraco) era solitária, sem nenhuma outra ao lado e era uma moradia sem comércio pois não?
Olha que solitária assim eu nunca vi!
...
aqui elas nunca nascem sozinhas.
muito menos permanecem sozinhas!

myra said...

acho que todos os paises tem dessas barracas...nao sei se felizmente ou infelimente, mas talvez algum pobre coitado pode dormir ali por uma noite, ha tantos refugiados e sem dinheiro, que estariam contentes de dormir um pouco e depois seguir seu triste caminho...

expressodalinha said...

Esta era uma ilha isolada. Uma verdadeira moradia. Reparem que tem TV de satélite. Coisa fina.

expressodalinha said...

Tomás: foi demolida a semana passada.

Eduardo P.L said...

Gostei da foto mas para falar a verdade mais da FRASE: "O RISCO É MINHA PROFISSÃO". Parabéns!

expressodalinha said...

Eduardo: parar ali dá direito a multa e/ou acidente. Deve ter sido isso que protegeu a barraca durante anos. Ou então é do Presidente da Câmara.