6.9.11

AÇORES - UM POUCO DE HISTÓRIA


O descobrimento do arquipélago dos Açores é uma das questões mais controversas da história dos Descobrimentos. Há quem defenda, baseado em mapas genoveses produzidos desde 1351, que aquelas ilhas foram descobertas no regresso das expedições às ilhas Canárias realizadas cerca de 1340-1345, no reinado de Afonso IV. Outras referem que o descobrimento das primeiras ilhas (São Miguel, Santa Maria, Terceira) foi efectuado por marinheiros ao serviço do Infante D. Henrique, embora não haja qualquer documento escrito a comprovar tal facto. Mais recentemente, foram descobertos templos escavados nas rochas datados do sec. IV a.C., de provável autoria cartaginesa.
De seguro sabe-se apenas que Gonçalo Velho chegou à ilha de Santa Maria em 1431, decorrendo nos anos seguintes o (re)descobrimento - ou reconhecimento - das restantes ilhas do arquipélago dos Açores, no sentido de progressão de leste para oeste. Foi o Infante D. Henrique, com o apoio da sua irmã D. Isabel de Portugal, Duquesa da Borgonha, que  mandou povoar a ilha de Santa Maria.
Os portugueses começaram a povoar as ilhas por volta 1432, oriundos principalmente do Algarve, do Alentejo e do Minho, tendo-se registado, em seguida, a chegada de flamengos, bretões e outros europeus e norte-africanos.
Fotografia de João Pinheiro

3 comments:

Helena Oneto said...

Belas fotos e excelente reportagem! Estiveram nos Açores?

expressodalinha said...

Helena: são fotos do meu filho João.

Lília said...

Jorge, com a descrição histórica as fotos ganham ainda mais vida! De qualquer forma, bom, bom é olhar o arquipélago açoreano 'olhos nos olhos' e cheirar, provar, ouvir. Aconselha-se aluguer de lambreta, faltando o tractor. :) Fica o desafio, até porque há ainda muitos mais para fotografar.