1.11.11

TODOS OS SANTOS - I

A flotilha de três caravelas saíu de Lisboa a 10 de Maio de 1501 comandada por Gonçalo Coelho. A bordo, o cartógrafo florentino Américo Vespucci. Missão: determinar os limites da terra descoberta pela expedição cabralina e avaliar o seu potencial económico.
Alcançou terra brasileira a 16 de Agosto de 1501, no ponto que se passou a denominar cabo de São Roque. Continuou para sul. Descobriu e baptizou o Cabo de Santo Agostinho, os rios São Miguel, São Francisco e as Virgens. A 1 de Novembro de 1501 entrou no "golfão", nesse dia baptizado de Baía de Todos os Santos.
A cidade de Salvador (muitas vezes denominada de Bahia) só viria a ser fundada em 1549, com a chegada ao Brasil do primeiro Governador-Geral, Tomé de Sousa, e foi capital da colónia até 1763, data em que o Marquês de Pombal a transferiu definitivamente para o Rio de Janeiro.

7 comments:

João Menéres said...

Olha o umbigo da Bahia !

Jorge Amado, dixet.

Eduardo P.L said...

Nossas histórias...

Anny said...

E hoje é dia da Bahia de Todos os Santos...

peri s.c. said...

De fato, de Todos os Santos. Irmanado sincretismo : em que lugar os santos católicos andam de braços dados com os do candomblé?
Por ex, em dia de tempestade e raios, os bahianos evocam a proteção de Santa Bárbara e/ou Iansã. Uma delas ou as duas os protegerão .

expressodalinha said...

Mauro: qt mais protecção melhor.

peri s.c. said...

Desconheço se há algum santo ou orixá que nos proteja dos políticos e dos bancos, essa sim uma dupla sinistra .

expressodalinha said...

POIS...