18.12.11

DIA A DIA - AMIGOS

Afinal o que são amigos? Hesito na definição por receio de contenção. Por medo de contradição. Por embaraço de exaustão. Dantes eram jovens que viviam comigo a sensação da descoberta. Depois eram colegas do liceu que sabiam das minhas fraquezas. Mais tarde foram companheiros de viagem que ansiavam chegar a qualquer lado. Hoje falamos sem palavras. Conversamos sem verbos. Imaginamos sem adjectivos. Hoje os meus amigos não querem nada. Sabem das minhas fraquezas. Não precisamos falar. Não há interesses. A amizade é aquilo que fica depois de sermos amigos. Uma compreensão introspectiva da nossa extroversão. Uma mutualidade de afectos que não precisam de confirmação. Existem. E existindo, são.

13 comments:

myra said...

?????? como nao sabe o que sao AMIGOS?????
e se mesmo sao virtuais INFELIZMENTE, SAO SOMOS!!!! pelo menos assim considero voce e ESPERAVA, espero que assim seja para voce
Que entrou nesta horrivel coisa que se chama depressao - que tenho faz anos? MAS LUTO en contra como posso.... E o resultado SAO MAIS AMIGOS, os que encontrei por aqui ( nao falo de israel:() falo de voce do Joao,Luisa. Tonho,!!! etc. E. sabe tenho uma amiga no Brasil de mais de 60 anos!!!!! e nao sei qtos no M
Mexico e na Italia, Jorge querido saia dessa, isto nao é VOCE!!!!!!
a Amizade EXISTE , e COMO!!!!!
beijos meu querido "nao" :) amigo:)))

expressodalinha said...

Não Myra. Esta declaração é positiva. Nada de depressão. Apenas a constatação de que há uma compreensão para além dos entusiasmos de momento. Uma aceitação sem mais. E, curiosamente, isso acontece na blogoesfera tal como na vida real.

Claire said...

São, uns chatos os amigos que falham aos compromissos!

daga said...

Hoje resolveste escrever prosa poética depressiva ;)
Então, antigamente, outrora, também falávamos "SEM PALAVRAS", também "NÃO" precisávamos "DE FALAR", isso faz parte de ser amigo - compreender o outro, apoiá-lo, confiar nele de qq forma: telepática, virtual, espiritual... eu seria mais pobre sem a tua amizade!
beijo

expressodalinha said...

Touchée, ma Cherie.

expressodalinha said...

Graça: claro. O teu é um exemplo paradigmático do que quero dizer. Amiga para além das circunstâncias... Sempre!

Li Ferreira Nhan said...

É isso.
No ponto Jorge.
Você acertou em cheio!

Eduardo P.L said...

É isso aí, Jorge. Amigos com ou sem bissetriz!!!!srsrs

Maria de Fátima said...

este Jorge tem coisas de excelência, como esta: "A amizade é aquilo que fica depois de sermos amigos."
obrigada e perdoa se fizer uso sem citar a fonte, um dia destes, em conversa de amigos...

Luísa said...

Pois...
Tenho saudades dos meus amigos por estar a dedicar-me quase em exclusivo à familia...mãe doente, sogra doente, Luísa recorrente SOS!
Ainda bem que há conversas silenciosas com os amigos...Eles ouvem o que fica por dizer!

expressodalinha said...

Eduardo: aqui a bissetriz fica sem catetos.

Anonymous said...

"Uma mutualidade de afectos que não precisam de confirmação" . Mai nada!!!
Mena

expressodalinha said...

Fátima, Luísa e Mena: beijos de amizade.