4.4.12

CMENTÁRIOS QUE VALEM UM POST

BloggerEduardo P.L said...
Jorge,

lindo tema e muito bem apresentado. Não vamos falar do nosso "caso" em especial, mas caberia uma série de posts tratando do assunto: Como conheci meu amigo virtual. O que achava do amigo virtual, e o que encontrei no indivíduo real. Qual é o elo mais forte dessa corrente que nos une. E coisas do gênero. Fica a proposta! Eu pessoalmente tenho alguns "casos" para narrar! Muita gente deve ter outros.

Uma sugestão e tanto. A verdade é que se passa do virtual ao real com facilidade. Basta querer. Uma tema a explorar... Alguém quer comentar?

21 comments:

Deusa said...

Interessante isso ...
Muita coisa pra contar mesmo...
Não sei se poderia contar todas...rssrsrsr

Fatyly said...

De facto é um tema interessante e dá que pensar. Eu pessoalmente, construo uma imagem baseando-me apenas na escrita. Pela foto que puseste há tempos não fiquei muito longe e como já conheci pessoas no "real" todas elas não ficaram muito longe da imagem que criei.
Algumas ficaram outros desapareceram e respeito sempre a postura que tomam.
Mais, aqui no virtual não faço perguntas sobre a vida particular de cada um, mas ao ler um blogue de fio a pavio, construo a tal imagem e só assim consigo apanhar as pontas de um novelo e começo a comentar se o mesmo blogue me interessar, mas gosto mais de conversar olhos nos olhos:) daqui não frequentar qualquer rede social.
Posso estar enganada mas no virtual cria-se uma empatia que chamo "uma vertente de amizade", que pode durar anos e anos e no real é de facto amizade ou não.
Não sei se me fiz entender!

Um abraço aos dois e todos que comentarem:)

myra said...

eu nao sei, so sei que para mim estes amigos e amigas virtuais sao mto importantes! e nao quero perder
a nenhum deles, beijossssss

João Menéres said...

FATYLY

E eu, como serei aos teus olhos ?
Vou ficar roído de curiosidade !
O pior é que vou estar ausente por uns dias !...

Um beijo.

Fatyly said...

João
Eh pá tu tens 4 blogues e já há algum tempo ando a vasculhar:) e terei de optar por um, mas deixa que não ficarás sem resposta...mi aguardi siô:)

Um beijo respeitador e sincero:)

Selena Sartorelo said...

Olá Jorge,

São tantas considerações que podem ser feitas a esse respeito que nem sei por onde começar direito.

Ontem mesmo postei um texto causado por impressões de amigos virtuais e sentimentos com razões de amigos reais.

O intuito de acreditar que, o que se apresenta está sempre muito perto do que é.
O presságio que sem razão aparente rejeita e desconfia.
Uma coragem misturada a covardia. Uma semelhança que é para aquele momento mais que suficiente.
Tem a ver com meus ou os nossos alter egos, talvez?...A Fátima postou algo sobre isso, falava de todos os seres que é sendo sempre a mesma...
Começo a me empolgar e saio do contexto.
Palavras que cabem em muitos lugares.
Sempre fiquei impressionada com a empatia.
Quando leio algo que me interessa ou vejo, ouço ,tanto faz, a surpresa maior é quando confirmamos a continuidade da primeira impressão curiosa no que se apresenta a seguir.
Mas falando sobre um grupo especifico que se une sem nenhuma indicação além da sugestão do ir e vir conhecer pela própria opinião, Porque essa identificação e quando a reciprocidade nisso ou não? Ás vezes pode ser só uma impressão, uma emoção instantânea e passageira. Noutras vezes uma sensação que fica a espreita e que o tempo se responsabiliza em desvendar.
Verdade ou desafio se, e do que, em quem interessa e não interessa.Pelos gostos e desgostos. Negação ou aceitação. Razão ou emoção. Intuidores da fé na verdade e na vida de um mundo melhor. Tanto faz o motivo que causou essa atenção, se essa for verdadeira. O desafio de pausar e apontar semelhanças e diferenças que não se pode ver realmente, porém desenvolveram com o tempo o convívio na partilha de conhecimento de tudo o que somos ou pensamos ser naquele que nos vê, e reconhecendo o próprio visto em dimensões diferentes, mas não menos intensas.Lidar diretamente com a curiosidade e a coragem. Distância, ausência e a culpa das coisas que não entendemos ou a proximidade da certeza sábia de quem realmente conhecemos...


Beijos,

João Menéres said...

FATYLY

O meu VERDADEIRO BLOGUE É O

GRIFO PLANANTE !

Te aguardo lá,

A sério !!!

Vou estar uns dis fora.

Uma beijoca.

Selena Sartorelo said...

Olá Fatyly, perdoe a intromissão, mas te adianto que o João é um verdadeiro encanto rsrs!!Uma vez sob os olhos grifo, sempre planante.

Beijos aos dois

expressodalinha said...

Selena: de facto será sempre um mistério o "porquê". Faz parate dos mistérios da vida. A empatia é algo que não explica. Acontece.

expressodalinha said...

Deusa: agora vai ter de explicar :))

expressodalinha said...

Fatyly: sim, a ideia que fazemos pode ser alterarda. Mas, a partir de certa altura, o blogue desvenda muito da pessoa. Isto se a pessoa se entregar e não andar aqui a enganar (que tb há). Há blogues muito mais intimistas do que outros, mas até por aí se atinge a personalidade do autor. Eu acho óptimo esse desvendar, quase streap-tease,

expressodalinha said...

Myra: a nossa história é outra. Tb seria um desafio interessnate...

daga said...

Acho muito interessante o tema, mas como não tenho blog e só te conheço a ti (real/virtual) os outros aqui no outro blog só conheço (virtual), não sei como poderia contribuir para este desafio que propõem a seguir :p
beijos

Eduardo P.L said...

Fatyly,

pelo que li de seus comentários tens muita gente para DESAFIAR e nos contar como era no VIRTUAL e como foi no REAL.
Participe!

expressodalinha said...

Nem mais... Ainda vamos fazer um blogue novo :))

Fatima Cristina said...

Achei a ideia ótima! Tô dentro!
Beijos!

expressodalinha said...

Shiuuu... se o Eduardo ouve...

Eduardo P.L said...

Jorge,

já tinha pensado que isso de se criar um NOVO blog seria inevitavel... Mas vamos deixar começar para ver o RUMO que toma, e o indice de aceitação e participação. O que acha?

expressodalinha said...

Ora bem...

tonholiveira said...



Sinto-me um peixe fora d'água, mas responsável, de repente funcionou o "puxão de orelhas' lá no FACE...

Será que agora vai ou é outro fogo de palha?! Sera REAL?!
"Os desparecidos voltaram "sedentos" de virtualidade e outros que tais!"

Aguardemos!

Abraços!

:o)

expressodalinha said...

:))