28.9.13

DIA DE REFLEXÃO

As eleições são amanhã. Hoje é dia de reflexão. As campanhas acabaram à meia-noite. Nem no Facebook se pode falar!!! Só Deus, na sua infinita apartidarização, nos pode escutar. É um dia zen. Zen, mas inconstitucional. Um dia em que nos é coartada a liberdade de expressão, como nos mais negros tempos da PIDE. Como se alguém no seu perfeito juízo fosse agora pegar na papelada que recebeu nas últimas semanas e estudar atentamente as propostas dos partidos até à exaustão. Sentados sozinhos na quietude do lar, faríamos tabelas de prós e contras, encontraríamos contradições, julgaríamos a bondade de cada candidato e, em consciência, tomaríamos opções radiosas e esclarecidas. A única vantagem do "dia de reflexão" é que o barulho promocional acabou. Pena não terem tirado as carantonhas dos candidatos das rotundas. Vamos ter de os aturar na sua boçalidade mais umas semanas de inércia publicitária. Boa reflexão.

5 comments:

Eduardo P.L. said...

Amém !

Fatyly said...

Subscrevo e se for como as outras "vamos ter de os aturar na boçalidade mais uns meses ou anos de inércia publicitária.

Que sossego, apre!!!!

Boa reflexão:)

daga said...

não há reflexão que nos ajude...

João Menéres said...

Espero que no Porto, o actual Presidente da autarquia, mande os serviços camarários retirar a boçalidade de tantos rostos !

Jorge Pinheiro said...

O actual vai ser outro. Porto vai ter surpresas...