15.3.15

ALMOÇO TRANSMONTANO






 

 Comecem com butelo com casula e entremeada.  O butelo é um enchido feito com os ossi­nhos do espi­nhaço e das cos­te­li­nhas do porco, com alguma carne agar­rada, e rode­ado pela bexiga ou bucho do ani­mal. Dizem que de cada porco não se con­se­guem fazer mais do que dois ou três bute­los. Coze durante cerca de duas horas, nunca deixando os ossos romper a pele. As casulas (ou cascas) são feijão colhido ainda na vagem, seca-se ao sol e guarda-se em saquinhos de pano depois de bem secas. De véspera, as cascas ficam de molho. No dia seguinte cozem-se com sal durante duas horas (na panela de pressão 45mn). Acabe-se com um bom Terrincho Velho, um queijo curado a 90 ou mais dias, de pasta dura, com alguns olhos, amarelado, crosta de cor vermelha, obtido por ser untado com colorau ou massa de pimentão. Regue-se tudo com tinto de Montes Ermos, de Freixo de Espada à Cinta, e espere-se pelo resultado... 
 

4 comments:

João Menéres said...

Se a memória me não atraiçoa, o MONTES ERMOS tem 14.5º.
Cuidadinho !

Jorge Pinheiro said...

Foi em casa...

Eduardo P.L. said...

Deve ser maravilhoso.

Fatima Cristina said...

Fiquei com água na boca!
Abraços,
Fatima