31.8.15

SEX ON THE BEACH ?

Por todo o lado aparecem agora cocktails enganosos. Como toda a gente sabe, o álcool tira a tusa. Primeiro embuste. Depois, a areia só arranha e deprime o membro. Segundo embuste. A única vez que tentei, já lá vai uma eternidade, a areia entrava por todos os lados. Foi em Albufeira, em 70 ou 71. Naquele tempo íamos às "bifas" nas discotecas do Hotel Praia-Mar ou no Sete e Meio. A miúda era loira, quase branca, alta, boa perna, mamas simpáticas e vagamente cavalar de cara (como quase todas as bifas). Arrastei-a para a praia. A saia subia, a cueca descia, eu tentava, a areia entrava, a coisa arranhava, a pila murchava, a tusa morria... Como se não bastasse, um pescador apareceu de remo alçado, ameaçando uma coça por conspurcação do areal. Ainda fingi ser inglês, mas o homem não foi nisso. Fugi de calças na mão. Passei a noite a tirar grãos de areia da glande. A miúda nunca mais a vi. Sex on the beach?

4 comments:

Eduardo P.L. said...

Como esta sem comentários até agora? O que tem o João a nos dizer sobre isso? Quanto a mim, digo que faltou experiência e mais treino para o Jorge. Perseverar, Jorge. srsrsr

Jorge Pinheiro said...

Agora já é tarde.

João Menéres said...

EDUARDO

Nunca tive areias na engrenagem porque levava o necessário para evitar esse incómodo !
Sempre frequentei praias com camas e com os respectivos colchões...

Li Ferreira Nhan said...

Ri pra caramba!!!
E olha que nesses tempos tenebrosos que vivemos por cá, rir anda escasso.

Gostava de saber sobre os tais "cocktails"
:))