12.12.11

COMENTÁRIOS QUE VALEM UM POST

Anonymousdaga said...



Bom, então vamos lá ver se não me "bates"... e se consigo explicar: a Alemanha também é feita de vários povos, como a Espanha - originalmente os reinos da Vestefália, da Bavièria, da Saxónia e da Prússia (entre outros menores) - só se unificou como Alemanha no século XIX, portanto muito mais tarde que Espanha. Por outro lado, o hino que eles cantam é a terceira estrofe e não essa primeira que tu citas e foi escrito tb no século XIX provavelmente para exaltar a união. Isto só para dizer que nem sempre os hinos são "a auto-análise de um povo", dependem das circunstâncias em que foram compostos - a própria "marseillese" foi escrita para a Revolução!!
beijos

A minha amiga Graça (Daga) sabe muito mais do que eu da história, cultura e língua alemãs... até porque viveu na Alemanha. O que ela diz no comentário é verdade. O hino, actualmente, é só a terceira estrofe, por obrigação constitucional. Uma determinação legal que é sintomática. A primeira estrofe continua lá, mas há pudor em a utilizar. Obviamente no meu post escolhi a parte dos hinos que mais me interessava para defender o meu ponto de vista. Mas as palavras estão todas lá! No post acima a explicação histórica.

2 comments:

Everything you know is wrong said...

A minha mãe é a maior!!! ;))))

expressodalinha said...

Não tenho dúvidas.