17.1.13

MACAU - TURISTA OCIDENTAL - XXX


Guardas Vermelhos

Nesse ano de 1966 a Revolução Cultural chegou a Macau. Chegou sem que as autoridades portuguesas se tivessem apercebido. Mais do que um protesto contra os portugueses, mais do que a intenção de integrar Macau na China, os incidentes visavam mostrar a Mao-Tsé-tung que Macau também era revolucionário. Macau tinha de ter os seus Guardas Vermelhos.

4 comments:

João Menéres said...

Ainda não percebi bem a razão de tudo que construímos antes da transição...
Também nunca perguntei, é verdade.

expressodalinha said...

Tb não, Mas isto tb já não existe,

Li Ferreira Nhan said...

A imagem dividida ao meio é espetacular!

daga said...

Linda imagem!! e a história é muito interessante para quem, como eu, não conhecia NADA da história de Macau. Os Guardas Vermelhos fazem sempre falta num estado de revolução...