20.2.12

NAQUELE TEMPO - CARNAVAL 1958

Naquele tempo o Carnaval fazia-se de serpentinas e confetis. As festas eram na Cooperativa Militar, ali à rua de S.José, em Lisboa. Fatos de cow-boys, índios e "pierrots", fadas e columbinas. Ainda não havia samba e o corso era no Estoril. Outros Carnavais.  

9 comments:

Anonymous said...

Que belo cow boy!!!!
F

Silvares said...

Se não me engano o Carnaval até se chamava Entrudo. Mas posso estar enganado.

carikaturARTE said...



"I shot the Sheriff"

"Mãosolauto!" Mãos ao alto!

Belo "mocinho", cuide da "mocinha" que os bandidos vem chegando.

:o)

daga said...

não me lembro de ti com esta cara :p devias estar contrariado naquele fato...
beijos

expressodalinha said...

O que é que achas? Grande seca!

Luísa said...

Que "menino bem":
- bem comportado
- bem fantasiado
- bem armado
- bem protegido
- bem aperaltado para a foto!

Bem! Que ar de secaaaaaaaaaaaaaa!
Mas que estava um "menino bem", lá isso estava!

Li Ferreira Nhan said...

"Naquele tempo"
E agora?
Como é o carnaval aí Jorge?

myra said...

eu tbem conheci o Carnaval de verdade no Rio de Janeiro...anos atràs...era lindo , honesto e alegr de verdade junto a um povo e as escolas de samba, nada turisticas, era so alegria e ritmos maravilhosos, agora...:(
beijos meu lindo menino:)

expressodalinha said...

Estava muito "menino". Nunca gostei muito de Entrudo.