4.7.12

SANGRIA

Esta é uma das melhores formas de estragar o vinho. Desengane-se quem pensa que a receita vem de Espanha. Como quase tudo na vida, é portuguesa: Fernão de Magalhães, Cristovão Colombo, Cristiano Ronaldo, bacalhau com batatas... tudo é português. Escolham um vinho de razoável qualidade, misturem com 7Up e fruta (de preferência pêssego e umas rodelas de laranja). Acrescentem um cálice de Licor Beirão ou Cointreau e gelo. Nada de brandy, whisky ou vodka e muito menos canela ou hortelã. Keep it simple. 

16 comments:

Anonymous said...

É ... de Espanha vem outra espécie de sangria, com dor, com sofrimento ... "sangue" sobre relva, "sangue" nas camisas, "sangue" nas redes ... e o vinho, do bom, na Taça, erguida aos céus em forma de oração e de agradecimento aos deuses do Futebol. Não houve pizza, não houve chucrute, mas houve sangria espanhola da melhor qualidade ...

E o meu gato, aquele espertalhão, bruxo, vidente, com aqueles olhos verdes cor de relva, continua a tocar castanholas ...

E Viva a Península Ibérica!

João Menéres said...

Da imagem, caro Jorge, gosto imenso.Não a entendo totalmente, mas isso não tem a menor das importâncias.

Mena G said...

O refresco perfeito em tardes de praias algarvias... :)

myra said...

nao importa se é bom, de onde vem, a foto è uma lindissima pintura!!! voce é um artista!!!

Fatyly said...

Esta foto está excelente sim senhora o mesmo não posso dizer de sangria que não gosto.

Para os almoços de família, a minha mãe faz muitas vezes "Kup"(não sei se é assim que se escreve) é a mesma coisa? pelo menos algumas vezes a cor é idêntica...mas como ela diz...não gosto do que é tão bom:):):):)
Acho que estragam uma bela salada de frutas loll

expressodalinha said...

A diferença entre "estragar" ou "melhorar" está na estreita difereça do nosso gosto ou preconceito. Misturas é bom... de vez em quando.

Anonymous said...

Não conheço a tal sangria mas Cristovão Colombo é italiano.
Li

Anonymous said...

Não conheço a tal sangria mas Cristovão Colombo é italiano.
Li

João Menéres said...

LI

Segundo apurei, o próprio navegador só uma vez declarou a sua naturalidade de genovês e fê-lo nos seguintes termos : "dela saí e nela nasci".


Um beijo grande.

expressodalinha said...

Isso é o que eles diziam todos qd traíam a Pátria: sou italiano, não tenho nada a ver com isto!

João Menéres said...

JORGE

Tem algum documento que diga que que ele era português ?
E onde nasceu, então ?

m.a. said...

Ó Jorge, então e as frutas?!
bj
mitó

expressodalinha said...

MA: pêssego e laranja (ou mesmo so pêssego).

expressodalinha said...

João: sei lá de onde o homem era. Como sabe as teorias são inúmeras. Certo é que o homem se enganou e descobriu a América. Pior, morreu a pensar que tinha chegado à Índia. Seria sangria a mais?

Eduardo P.L said...

Pode até estragar o vinho, mas é muito bom no verão! Ao contrário das sangrias, muito fotogênicas, prefiro as com vinho branco gelado e pessêgo in natura! Clerico , como chamam os argentinos!Uma delícia!

expressodalinha said...

Também pode ser. Não sou esquisito.